(+55) 48 3206 8542
+

Otorrino é absolvido de alegação de erro médico, por advogado do LHML Direito Médico

Por: | Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Comentários: 0

imagem erialO LHML Direito Médico confirma mais uma decisão favorável a um médico que buscou na banca de advogados o apoio para a absolvição de alegado erro médico. A defesa do médico foi patrocinada pelo advogado Erial Lopes de Haro. A ação indenizatória, proposta em 2005, teve desfecho desfavorável à paciente que pretendia a condenação do médico otorrinolaringologista ao pagamento de indenização por danos morais e estéticos em decorrência de paralisação facial periférica, supostamente ocasionada em virtude de complicações ocorridas durante a cirurgia corretiva de desvio de septo.

O processo tramitou de maneira regular, havendo a realização de prova documental e pericial, esta notadamente determinante, na medida em que atestou a inexistência de comprovação entre o dano — paralisação facial periférica — e o alegado nexo de causalidade — cirurgia corretiva de desvio de septo.

Aliada à prova pericial, a tese defendida pelo médico no sentido da inexistência de culpa frente à comprovada utilização da melhor técnica, foi devidamente acolhida pelo magistrado, restando consignado na fundamentação da decisão: “Vislumbro sim, que o segundo réu deu plena assistência a autora no seu pós-operatório como bem disse a mesma, que por diversas vezes após a operação foi atendida pelo segundo réu a quem prescreveu diversos tratamentos e medicamentos”.

 

 

thời trang trẻ emWordpress Themes Total Freetư vấn xây nhàthời trang trẻ emshop giày nữdownload wordpress pluginsmẫu biệt thự đẹpepichouseáo sơ mi nữHouse Design Blog - Interior Design and Architecture Inspiration